destaques
conteúdo
publicidade
supernova
  • A 8ª edição do Salão dos Artistas Sem Galeria recebeu 194 inscrições (aumento de 13% em relação à 7ª edição) de 12 Estados mais o Distrito Federal. São Paulo compareceu com 101 artistas, sendo 75 da capital, 15 do interior, 8 da Grande São Paulo e três do litoral. Rio de Janeiro teve 28 inscritos (21 da capital, cinco do litoral e dois do interior). Em seguida, vieram Minas Gerais (22 inscrições, sendo 16 de Belo Horizonte e seis do interior de MG), Paraná (13, sendo nove de Curitiba), Rio Grande do Sul (11, sendo oito de Porto Alegre), Distrito Federal (cinco), Pernambuco (dois de Recife), Espírito Santo, Rio Grande do Norte e Mato Grosso do Sul (um de cada).
  • A 8ª edição do Salão dos Artistas Sem Galeria mostra ainda que os locais de nascimento dos artistas são ainda mais variados: 14 Estados, Distrito Federal e seis outros países (2 da Argentina, Japão, Itália, Cuba, Moçambique e França). A maioria é natural do Estado de São Paulo (88, sendo 60 da capital). Depois vem Minas Gerais (17 de Belo Horizonte e nove do interior), Rio de Janeiro (17 da capital, três do interior e dois do litoral), Rio Grande do Sul (apenas dois de Porto Alegre e dez do interior), Paraná (11 de Curitiba e quatro do interior), Espírito Santo, Goiás e Santa Catarina (três cada), Bahia, Paraíba, Ceará e Piauí (dois cada) e Rondônia e Mato Grosso do Sul (um cada).
  • Nesta 8ª edição do Salão dos Artistas Sem Galeria, o curador Cauê Alves conquistou pela primeira vez o posto de curador preferido pelos postulantes ao Salão, ao ser mencionado por 15 dos artistas inscritos (votação opcional). Agnaldo Farias e Paulo Miyada vieram em seguida, com 13 indicações. Eder Chiodetto foi citado sete vezes. Obtiveram seis menções os curadores Douglas de Freitas, Marcelo Campos, Rafael Fonseca e Mario Gioia. Paulo Herkenhoff, Adriano Pedrosa e Moacir dos Anjos obtiveram cinco menções cada. Outros 98 nomes foram mencionados nas fichas de inscrição. A indicação de até três curadores na ficha de inscrição foi opcional.
  • A galeria paulistana Zipper repetiu o feito dos três anos anteriores e continua sendo a preferida dos 194 artistas inscritos agora na 8ª edição do Salão dos Artistas Sem Galeria. A Zipper recebeu 55 votos opcionais e espontâneos. A Casa Triângulo recolheu os frutos de sua mudança para os Jardins e obteve 28 menções. Em seguida vieram Millan e Vermelho, com 21 menções cada. Fortes D’Aloia & Gabriel (ex-Fortes Vilaça) e Nara Roesler tiveram 14 menções. A Mendes Wood DM teve 12. Outras 45 galerias foram citadas na enquete opcional.